Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Black Mirror

18.09.13

Há dois momentos na vida de um ser humano em pleno século vinte um: o momento em que tem um sem fim de series para ver e o momento em que já as viu todas. Ambos os momentos são desesperantes, sendo que um num bom sentido e o outro não. Demasiado dramático? NOT!

 

O lado bom de já ter visto tudo, é que depois existe todo um todo que não está incluído no tudo. Que, infelizmente, 99% das vezes se revela uma bela perda de tempo - para não dizer algo impróprio. Sendo que o 1% que resta consegue sempre fazer com que todo o tempo perdido até ali, valha a pena. Poético, não?

 

Black Mirror, é o 1%. Que tu ainda não descobriste e eu vou dizer-te porque é que tens que ver - sim hoje estou em modo vendedora.

 

(trailer)

 

Black Mirror estreou no canal 4 (Inglaterra) em 2011, teve apenas 3 episódios e agora em 2013 voltou com mais 3 episódios. Em ambas as series os episódios são escritos e realizados por pessoas diferentes e todos os episódios são independentes, não partilham qualquer tipo de ligação. Sendo que o único elo de ligação é a ficção cientifica. Dito isto..

 

Primeira Temporada:

 

The National Anthem, Escrito por Charlie Brooker e realizado por Otto Bathurst

De todos é o único que se passa num futuro próximo. Adorei a história, a trama está muito bem desenvolvida sendo que nos é apresentado um problema e a perspectiva de vários personagens em relação a ele e à medida que eles vão tentado soluciona-lo as opiniões mudam até a um culminar. Claramente explora os comportamentos humanos e faz-nos a nós espectadores questionar os nossos limites e ideais. É nojento, profundo e perspicaz.

 

15 Million Merits, Escrito por Charlie Brooker & Kanak Huq e realizado por Euros Lyn

Qual é o teu preço? Por quanto é que estavas disposto a vender a tua alma? É a grande pergunta a que as personagens do mundo alternativo, que Charlie Brooker e Kanak Hug criaram, vão ter que responder. 

 

The Entire History of You, Escrito por Jesse Armstrong e realizado por Brian Welsh

Adorei este. É sem duvida o meu episodio favorito da temporada. 

E se tudo o que vivemos ficasse gravado num "grão" que temos implantado? Se pudéssemos ver tudo vezes e vezes sem conta. Analisar, milímetro a milímetro. Como é que nós seriamos? Como é que a nossa vida seria? A de Set, personagem principal, já podemos saber. 

 

Segunda Temporada

 

Be Right Back, Escrito por Charlie Brooker e realizado por Owen Harris

É enternecedor, impossível de não sentir compaixão mesmo que toda a situação nos pareça perigosa ou doente. Porque todos nos sabemos o que é a saudade, e como é difícil suporta-la e impossível de esquecer.

 

White Bear, Escrito por Charlie Brooker e realizado por Carl Tibbetts

Sabem quando gostamos de um personagem e de repente dão nos todos os motivos para não gostarmos? Este é um daqueles momentos que eles bem podem tentar mas não conseguem. E por isso é que é tão bom. 

 

The Waldo Moment Escrito por Charlie Brooker e realizado por Bryn Higgins

 

Foi para mim, de todos o mais fraquinho. É uma sátira politica que se não fosse o boneco era igual a tantas outras. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:




Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

You Talkin' To Me?